Cifonauta marine biology image database
Tour:

Araçá Bay RSS

Caranguejo-ermitão
Caranguejo-ermitão
O caranguejo-ermitão adulto, também conhecido como eremita ou bernardo-eremita, vive alojado em conchas de moluscos gastrópodes.

Caranguejo-ermitão

O caranguejo-ermitão adulto, também conhecido como eremita ou bernardo-eremita, vive alojado em conchas de moluscos gastrópodes.

Author: Alvaro E. Migotto
Size: 10 - 100 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: epifauna, bentônico, praia, manguezal
Poliqueta tubícola
Poliqueta tubícola
Poliqueta sabelídeo Branchiomma em costão rochoso.

Poliqueta tubícola

Poliqueta sabelídeo Branchiomma em costão rochoso.

Author: Alvaro E. Migotto
Taxa: Branchiomma luctuosum
Size: 10 - 100 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: espécie invasora, cebimar-usp, bentônico, adulto, praia, macrofotografia
Poliqueta tubícola
Poliqueta tubícola
Poliqueta sabelídeo Branchiomma em costão rochoso.

Poliqueta tubícola

Poliqueta sabelídeo Branchiomma em costão rochoso.

Author: Alvaro E. Migotto
Taxa: Branchiomma luctuosum
Size: 10 - 100 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: espécie invasora, cebimar-usp, bentônico, adulto, praia, macrofotografia
Ouriço-do-mar preto
Ouriço-do-mar preto
O ouriço-do-mar preto apresenta espinhos relativamente grossos e bastante resistentes. A coloração dos espinhos e carapaça varia do marrom escuro ao negro. Conhecida popularmente pelo nome de "pindá", é uma espécie muito abundante em nossa costa, predominantemente litorânea e freqüentemente encontrada dentro de locas escavadas em rochas, em regiões de mar calmo ou batido. Alimenta-se de algas e animais incrustrantes. Ocorre desde a Flórida até o sul do Brasil, bem como em regiões costeiras de ilhas, tais como Antilhas, Bermudas, Ascenção, Santa Helena e Angola.

Ouriço-do-mar preto

O ouriço-do-mar preto apresenta espinhos relativamente grossos e bastante resistentes. A coloração dos espinhos e carapaça varia do marrom escuro ao negro. Conhecida popularmente pelo nome de "pindá", é uma espécie muito abundante em nossa costa, predominantemente litorânea e freqüentemente encontrada dentro de locas escavadas em rochas, em regiões de mar calmo ou batido. Alimenta-se de algas e animais incrustrantes. Ocorre desde a Flórida até o sul do Brasil, bem como em regiões costeiras de ilhas, tais como Antilhas, Bermudas, Ascenção, Santa Helena e Angola.

Author: Alvaro E. Migotto
Taxa: Echinometra lucunter
Size: 10 - 100 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: epifauna, costão rochoso, bentônico, adulto
Bivalves
Bivalves

Bivalves

Author: Alvaro E. Migotto
Taxa: Chione
Size: 1,0 - 10 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: bentônico, adulto, praia, macrofotografia
Vegetação de  manguezal
Vegetação de manguezal

Vegetação de manguezal

Author: Alvaro E. Migotto
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: bentônico, praia, manguezal
Caranguejo-aranha
Caranguejo-aranha
O caranguejo-aranha possui pernas muito longas e finas, corpo triangular e e estreito anteriormente, formando um rostro.

Caranguejo-aranha

O caranguejo-aranha possui pernas muito longas e finas, corpo triangular e e estreito anteriormente, formando um rostro.

Author: Alvaro E. Migotto
Taxa: Stenorhynchus seticornis
Size: 10 - 100 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: costão rochoso, bentônico, adulto, manguezal
Caranguejo
Caranguejo
Caranguejo

Caranguejo

Caranguejo

Author: Alvaro E. Migotto
Taxa: Portunus
Size: >100 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: epifauna, bentônico, praia, manguezal
Hidróide
Hidróide
Colônia crescendo sobre alga parda.

Hidróide

Colônia crescendo sobre alga parda.

Author: Alvaro E. Migotto
Taxon: Dynamena disticha, Sargassum
Size: 1,0 - 10 mm
Place: Ponta do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: cebimar-usp, costão rochoso, bentônico, campo escuro, epibionte
Pepino-do-mar
Pepino-do-mar
Exemplar adulto em vista dorsal.

Pepino-do-mar

Exemplar adulto em vista dorsal.

Author: Alvaro E. Migotto
Taxa: Holothuria grisea
Size: 10 - 100 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: cebimar-usp, epifauna, bentônico, adulto, macrofotografia
Molusco nudibrânquio
Molusco nudibrânquio

Molusco nudibrânquio

Author: Alvaro E. Migotto
Taxa: Doris verrucosa
Size: 10 - 100 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: cebimar-usp, costão rochoso, bentônico, adulto, macrofotografia
Molusco opistobrânquio sobre briozoário
Molusco opistobrânquio sobre briozoário

Molusco opistobrânquio sobre briozoário

Author: Alvaro E. Migotto
Taxa: Aplysia brasiliana
Size: 1,0 - 10 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: cebimar-usp, costão rochoso, bentônico, adulto, campo escuro, epibionte
Marcas do bivalve Macoma em sedimento arenolamoso
na região entremarés
Marcas do bivalve Macoma em sedimento arenolamoso na região entremarés
Orifício por onde passa o sifão inalante do bivalve e marcas deixadas no sedimento quando da retração do sifão.

Marcas do bivalve Macoma em sedimento arenolamoso na região entremarés

Orifício por onde passa o sifão inalante do bivalve e marcas deixadas no sedimento quando da retração do sifão.

Author: Alvaro E. Migotto
Taxa: Macoma constricta
Size: 10 - 100 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: bentônico, adulto, entremarés, macrofotografia, substrato inconsolidado, macrofauna
Caracol-da-folha sobre tronco do mangue-branco
Caracol-da-folha sobre tronco do mangue-branco

Caracol-da-folha sobre tronco do mangue-branco

Author: Alvaro E. Migotto
Taxa: Littorina angulifera
Size: 10 - 100 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: bentônico, adulto, substrato consolidado, entremarés, macrofotografia, manguezal
Equiúrido
Equiúrido
Os equiúridos são invertebrados marinhos bentônicos não segmentados, com corpo em forma de bastão ou pêra e probóscide não retrátil. Na região ventral anterior, ocorre sempre um par de cerdas ou ganchos diminutos. Habitam fundos inconsolidados ou consolidados, construindo galerias revestidas internamente com muco. Atualmente há fortes evidências de que os Echiura são de fato anelídeos.

Equiúrido

Os equiúridos são invertebrados marinhos bentônicos não segmentados, com corpo em forma de bastão ou pêra e probóscide não retrátil. Na região ventral anterior, ocorre sempre um par de cerdas ou ganchos diminutos. Habitam fundos inconsolidados ou consolidados, construindo galerias revestidas internamente com muco. Atualmente há fortes evidências de que os Echiura são de fato anelídeos.

Author: Alvaro E. Migotto
Taxa: Lissomyema exilii
Size: 10 - 100 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: cebimar-usp, bentônico, adulto, entremarés, macrofotografia, substrato inconsolidado
Poliqueta silídeo
Poliqueta silídeo
.

Poliqueta silídeo

.

Authors: Alvaro E. Migotto, Maikon Di Domenico
Taxa: Eurinaceusyllis subterranea
Size: 0,1 - 1,0 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: cebimar-usp, bentônico, campo escuro, entremarés, substrato inconsolidado, meiofauna
Mangue-vermelho
Mangue-vermelho

Mangue-vermelho

Author: Alvaro E. Migotto
Taxa: Rhizophora mangle
Size: >100 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: bentônico, manguezal
Gavião-carcará
Gavião-carcará
Gavião-carcará é um predador generalista. No litoral de São Sebastião é visto alimentando-se de caranguejos e outros invertebrados marinhos.

Gavião-carcará

Gavião-carcará é um predador generalista. No litoral de São Sebastião é visto alimentando-se de caranguejos e outros invertebrados marinhos.

Author: Alvaro E. Migotto
Taxa: Caracara plancus
Size: >100 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: praia, manguezal
Caranguejo chama-maré
Caranguejo chama-maré
O caranguejo chama-maré ou caranguejo-violinista vive em manguezais, praias arenosas protegidas, baías e de estuários, na zona entremarés.

Caranguejo chama-maré

O caranguejo chama-maré ou caranguejo-violinista vive em manguezais, praias arenosas protegidas, baías e de estuários, na zona entremarés.

Author: Alvaro E. Migotto
Taxa: Uca
Size: 10 - 100 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: epifauna, costão rochoso, bentônico
Bolacha-da-praia
Bolacha-da-praia
A bolacha-da-praia Encope emarginata vive em sedimentos areno-lodosos ou arenosos na região entremarés ou infralitoral raso

Bolacha-da-praia

A bolacha-da-praia Encope emarginata vive em sedimentos areno-lodosos ou arenosos na região entremarés ou infralitoral raso

Author: Alvaro E. Migotto
Taxa: Encope emarginata
Size: 10 - 100 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: bentônico, adulto, praia
Verme-de-fogo
Verme-de-fogo
As grandes e numerosas cerdas brancas do verme-de-fogo podem causar irritação na pele. São animais bentônicos, que vivem em locais rasos, sob pedras ou entre outros organismos. .

Verme-de-fogo

As grandes e numerosas cerdas brancas do verme-de-fogo podem causar irritação na pele. São animais bentônicos, que vivem em locais rasos, sob pedras ou entre outros organismos. .

Author: Alvaro E. Migotto
Taxa: Eurythoe complanata
Size: 10 - 100 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: cebimar-usp, bentônico, adulto, infauna
Molusco nudibrânchio
Molusco nudibrânchio
.

Molusco nudibrânchio

.

Author: Alvaro E. Migotto
Taxa: Trapania
Size: 1,0 - 10 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: costão rochoso, bentônico, adulto, campo escuro
Briozoário
Briozoário
Zoobotryum é comum no litoral norte de São Paulo, sobretudo em regiões portuárias e abrigadas. Forma colônias arborecentes longas e esbranquiçadas, que mais se parecem com algas. Tem sido considerada uma espécie invasora em várias partes do mundo.

Briozoário

Zoobotryum é comum no litoral norte de São Paulo, sobretudo em regiões portuárias e abrigadas. Forma colônias arborecentes longas e esbranquiçadas, que mais se parecem com algas. Tem sido considerada uma espécie invasora em várias partes do mundo.

Author: Alvaro E. Migotto
Taxa: Zoobotryon verticillatum
Size: 10 - 100 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: costão rochoso, bentônico, praia, manguezal
Gastrópode
Gastrópode
O pequeno caramujo Olivella minuta pode formar populações densas em sedimento arenoso ou areno-lamoso. Conforme se locomove, deixa seu rastro típico durante as marés baixas.

Gastrópode

O pequeno caramujo Olivella minuta pode formar populações densas em sedimento arenoso ou areno-lamoso. Conforme se locomove, deixa seu rastro típico durante as marés baixas.

Author: Alvaro E. Migotto
Taxa: Olivella minuta
Size: 1,0 - 10 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: bentônico, adulto, infauna, praia, manguezal
Oligoqueta
Oligoqueta
.

Oligoqueta

.

Authors: Alvaro E. Migotto, Fabiane Gallucci, Gustavo Fonseca, Maikon Di Domenico
Taxa: Oligochaeta
Size: 0,1 - 1,0 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: cebimar-usp, bentônico, dic, entremarés, substrato inconsolidado, meiofauna
Quinorrinco
Quinorrinco
.

Quinorrinco

.

Authors: Alvaro E. Migotto, Fabiane Gallucci, Gustavo Fonseca, Maikon Di Domenico
Taxa: Kinorhyncha
Size: 0,1 - 1,0 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: cebimar-usp, bentônico, entremarés, substrato inconsolidado, meiofauna
Esponja do mar
Esponja do mar

Esponja do mar

Author: Alvaro E. Migotto
Taxa: Porifera
Size: 10 - 100 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: cebimar-usp, costão rochoso, bentônico
Caramujo
Caramujo
Littoraria flava ocorre frequentemente em costões rochosos próximos a estuários e manguezais. É uma espécie dioica e ovovivípara, possuindo um ciclo de vida com uma fase larval planctônica e uma adulta sedentária. Na baía do Araçá ocorre usualmente em grandes agregados sobre as rochas e raízes do manguezal.

Caramujo

Littoraria flava ocorre frequentemente em costões rochosos próximos a estuários e manguezais. É uma espécie dioica e ovovivípara, possuindo um ciclo de vida com uma fase larval planctônica e uma adulta sedentária. Na baía do Araçá ocorre usualmente em grandes agregados sobre as rochas e raízes do manguezal.

Author: Alvaro E. Migotto
Taxa: Littorina flava
Size: 1,0 - 10 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: costão rochoso, bentônico, adulto, macrofotografia, manguezal
Alga verde
Alga verde

Alga verde

Author: Alvaro E. Migotto
Taxa: Enteromorpha
Size: 10 - 100 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: costão rochoso, bentônico
Caranguejo
Caranguejo
Caranguejo Eriphia gonagra

Caranguejo

Caranguejo Eriphia gonagra

Author: Alvaro E. Migotto
Taxa: Eriphia gonagra
Size: 10 - 100 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: epifauna, costão rochoso, bentônico
Cracas
Cracas
As cracas são crustáceos exclusivamente marinhos que geralmente vivem fixados a rochas, conchas, raízes, corais etc.

Cracas

As cracas são crustáceos exclusivamente marinhos que geralmente vivem fixados a rochas, conchas, raízes, corais etc.

Author: Alvaro E. Migotto
Taxa: Chthamalus
Size: 1,0 - 10 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: epifauna, costão rochoso, bentônico, manguezal
Cracas
Cracas
As cracas são crustáceos exclusivamente marinhos que geralmente vivem fixados a rochas, conchas, raízes, corais etc.

Cracas

As cracas são crustáceos exclusivamente marinhos que geralmente vivem fixados a rochas, conchas, raízes, corais etc.

Author: Alvaro E. Migotto
Taxa: Chthamalus
Size: 1,0 - 10 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: epifauna, costão rochoso, bentônico, manguezal
Garça
Garça

Garça

Author: Alvaro E. Migotto
Taxa: Ardeidae
Size: >100 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: praia, manguezal
Hidróide
Hidróide
Gonotecas, 60x.

Hidróide

Gonotecas, 60x.

Author: Alvaro E. Migotto
Taxa: Sertularia marginata
Size: 10 - 100 mm
Place: Ponta do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: cebimar-usp, costão rochoso, bentônico, mev
Hidróide
Hidróide
Dynamena crisioides é uma das espécies diminutas de invertebrados que habitam a região entremarés e suportam a exposição ao ar e ao sol durante as marés baixas.

Hidróide

Dynamena crisioides é uma das espécies diminutas de invertebrados que habitam a região entremarés e suportam a exposição ao ar e ao sol durante as marés baixas.

Author: Alvaro E. Migotto
Taxa: Dynamena crisioides
Size: 1,0 - 10 mm
Place: Ponta do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: cebimar-usp, costão rochoso, bentônico, entremarés, macrofotografia
Caramujo
Caramujo

Caramujo

Author: Alvaro E. Migotto
Taxa: Neritina virginea
Size: 1,0 - 10 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: bentônico, adulto, entremarés, macrofotografia, substrato inconsolidado, macrofauna
Caramujo
Caramujo
.

Caramujo

.

Author: Alvaro E. Migotto
Taxa: Neritina virginea
Size: 1,0 - 10 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: bentônico, adulto, entremarés, macrofotografia, substrato inconsolidado, macrofauna
Caramujo
Caramujo
.

Caramujo

.

Author: Alvaro E. Migotto
Taxa: Neritina virginea
Size: 1,0 - 10 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: bentônico, adulto, entremarés, macrofotografia, substrato inconsolidado, macrofauna
Caramujo
Caramujo

Caramujo

Author: Alvaro E. Migotto
Taxa: Nassarius vibex
Size: 10 - 100 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: bentônico, adulto, entremarés, macrofotografia, substrato inconsolidado, macrofauna
Talha-mar
Talha-mar
O talha-mar, também conhecido como corta-água ou corta-mar, pesca geralmente durante o crepúsculo, voando muito próximo à água, com a parte inferior do bico cortando a superfície da água.

Talha-mar

O talha-mar, também conhecido como corta-água ou corta-mar, pesca geralmente durante o crepúsculo, voando muito próximo à água, com a parte inferior do bico cortando a superfície da água.

Author: Alvaro E. Migotto
Taxa: Rynchops niger
Size: >100 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: praia, manguezal
Pico de São Sebastião
Pico de São Sebastião
Vista da região central do Canal de São Sebastião e Baía do Araçá.

Pico de São Sebastião

Vista da região central do Canal de São Sebastião e Baía do Araçá.

Author: Alvaro E. Migotto
Place: Pico de São Sebastião, Ilhabela, SP, Brasil
Tag: paisagem
Ofiuróide
Ofiuróide

Ofiuróide

Author: Alvaro E. Migotto
Taxa: Ophiothrix
Size: 10 - 100 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: cebimar-usp, bentônico, adulto, campo escuro, substrato inconsolidado
Molusco nudibrânquio sobre alga parda
Molusco nudibrânquio sobre alga parda

Molusco nudibrânquio sobre alga parda

Author: Alvaro E. Migotto
Taxa: Polycerella
Size: 1,0 - 10 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: cebimar-usp, costão rochoso, bentônico, adulto, campo escuro, epibionte
Molusco opistobrânquio sobre alga parda
Molusco opistobrânquio sobre alga parda

Molusco opistobrânquio sobre alga parda

Author: Alvaro E. Migotto
Taxon: Aplysia brasiliana, Dictyotaceae
Size: 1,0 - 10 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: cebimar-usp, costão rochoso, bentônico, adulto, campo escuro, epibionte
Verme-de-fogo
Verme-de-fogo
As grandes e numerosas cerdas brancas do verme-de-fogo podem causar irritação na pele. São animais bentônicos, que vivem em locais rasos, sob pedras ou entre outros organismos. .

Verme-de-fogo

As grandes e numerosas cerdas brancas do verme-de-fogo podem causar irritação na pele. São animais bentônicos, que vivem em locais rasos, sob pedras ou entre outros organismos. .

Author: Alvaro E. Migotto
Taxa: Eurythoe complanata
Size: 10 - 100 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: cebimar-usp, bentônico, adulto, infauna
Molusco nudibrânquio
Molusco nudibrânquio

Molusco nudibrânquio

Author: Alvaro E. Migotto
Taxa: Doris kyolis
Size: 10 - 100 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: cebimar-usp, costão rochoso, bentônico, adulto, macrofotografia, epibionte
Poliqueta
Poliqueta

Poliqueta

Author: Alvaro E. Migotto
Taxon: Zoobotryon verticillatum, Chaetopterus
Size: 10 - 100 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: cebimar-usp, bentônico, entremarés, macrofotografia, substrato inconsolidado, macrofauna
Briozoário
Briozoário

Briozoário

Author: Alvaro E. Migotto
Taxa: Beania klugei
Size: 1,0 - 10 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: cebimar-usp, bentônico, adulto, campo escuro
Bivalve
Bivalve

Bivalve

Author: Alvaro E. Migotto
Taxa: Macoma constricta
Size: 10 - 100 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: bentônico, adulto, entremarés, macrofotografia, substrato inconsolidado, macrofauna
Poliqueta de escama - detalhe de uma escama
Poliqueta de escama - detalhe de uma escama

Poliqueta de escama - detalhe de uma escama

Author: Alvaro E. Migotto
Taxa: Polynoidae
Size: 1,0 - 10 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: cebimar-usp, costão rochoso, bentônico, adulto, substrato consolidado, campo escuro, entremarés, macrofauna
Poliqueta de escama
Poliqueta de escama

Poliqueta de escama

Author: Alvaro E. Migotto
Taxa: Polynoidae
Size: 1,0 - 10 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: cebimar-usp, costão rochoso, bentônico, adulto, substrato consolidado, entremarés, macrofotografia, macrofauna
Poliqueta tubícola
Poliqueta tubícola

Poliqueta tubícola

Author: Alvaro E. Migotto
Taxa: Diopatra aciculata
Size: 10 - 100 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: cebimar-usp, bentônico, adulto, entremarés, macrofotografia, substrato inconsolidado, macrofauna
Entoprocto
Entoprocto
Os Entoprocta (=Kamptozoa) compreendem um filo de animais invertebrados sésseis, coloniais ou solitários, um dos grupos menos conhecidos do Reino animal e de posição filogenética obscura e controversa. Cerca de 180 espécies foram descritas mundialmente. Pequenos, transparentes e de hábitos crípticos, os entoproctos passam geralmente despercebidos, embora sejam relativamente comuns em substratos consolidados, como rochas, seixos, corais, conchas e algas, sendo comensais de muitas espécies de invertebrados, como esponjas, poliquetas, sipuncúlidos. São frequentemente encontrados dentro dos tubos e galerias de seus hospedeiros. Eles são muito parecidos com alguns briozoários e hidrozoários pelo aspecto geral e hábito. Os indivíduos são formados basicamente por uma região distal superior, denominada cálice e que possui uma coroa de tentáculos ciliados, e uma haste denominada pedúnculo, na qual o cálice é sustentado; o pedúnculo pode ser preso diretamente ao substrato através de uma estrutura dilatada, denominada pé e característico das espécies solitárias, ou através de estolões nas espécies coloniais.

Entoprocto

Os Entoprocta (=Kamptozoa) compreendem um filo de animais invertebrados sésseis, coloniais ou solitários, um dos grupos menos conhecidos do Reino animal e de posição filogenética obscura e controversa. Cerca de 180 espécies foram descritas mundialmente. Pequenos, transparentes e de hábitos crípticos, os entoproctos passam geralmente despercebidos, embora sejam relativamente comuns em substratos consolidados, como rochas, seixos, corais, conchas e algas, sendo comensais de muitas espécies de invertebrados, como esponjas, poliquetas, sipuncúlidos. São frequentemente encontrados dentro dos tubos e galerias de seus hospedeiros. Eles são muito parecidos com alguns briozoários e hidrozoários pelo aspecto geral e hábito. Os indivíduos são formados basicamente por uma região distal superior, denominada cálice e que possui uma coroa de tentáculos ciliados, e uma haste denominada pedúnculo, na qual o cálice é sustentado; o pedúnculo pode ser preso diretamente ao substrato através de uma estrutura dilatada, denominada pé e característico das espécies solitárias, ou através de estolões nas espécies coloniais.

Author: Alvaro E. Migotto
Taxa: Barentsia discreta
Size: 0,1 - 1,0 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: cebimar-usp, costão rochoso, bentônico, adulto, campo escuro, epibionte
Renilla
Renilla
Este estranho animal- na verdade uma colônia de pólipos - é comum na região entremares, podendo estar parcialmente ou totalmente coberto por sedimento durante a maré baixa.

Renilla

Este estranho animal- na verdade uma colônia de pólipos - é comum na região entremares, podendo estar parcialmente ou totalmente coberto por sedimento durante a maré baixa.

Author: Alvaro E. Migotto
Taxa: Renilla reniformis
Size: 10 - 100 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: bentônico, praia, manguezal
Cochonilhas em folhas do mangue-branco
Cochonilhas em folhas do mangue-branco

Cochonilhas em folhas do mangue-branco

Author: Alvaro E. Migotto
Taxa: Hemiptera
Size: 1,0 - 10 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: macrofotografia, manguezal
Lepas
Lepas
As lepas são crustáceos cirrípedes como as cracas, distinguindo-se destas pela presença de um pedúnculo que as fixa a objetos flutuantes ou animais pelágicos.

Lepas

As lepas são crustáceos cirrípedes como as cracas, distinguindo-se destas pela presença de um pedúnculo que as fixa a objetos flutuantes ou animais pelágicos.

Author: Alvaro E. Migotto
Taxa: Lepas
Size: 10 - 100 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tag: praia
Cracas
Cracas
As cracas são crustáceos exclusivamente marinhos que geralmente vivem fixados a rochas, conchas, raízes, corais etc.

Cracas

As cracas são crustáceos exclusivamente marinhos que geralmente vivem fixados a rochas, conchas, raízes, corais etc.

Author: Alvaro E. Migotto
Taxa: Chthamalus
Size: 1,0 - 10 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: epifauna, costão rochoso, bentônico, manguezal
Caranguejo-ermitão
Caranguejo-ermitão
O caranguejo-ermitão adulto, também conhecido como eremita ou bernardo-eremita, vive alojado em conchas de moluscos gastrópodes.

Caranguejo-ermitão

O caranguejo-ermitão adulto, também conhecido como eremita ou bernardo-eremita, vive alojado em conchas de moluscos gastrópodes.

Author: Alvaro E. Migotto
Size: 10 - 100 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: epifauna, bentônico, praia, manguezal
Poliqueta tubícola
Poliqueta tubícola
Tubo do poliqueta Diopatra em sedimento areno-lamoso na região entremarés.

Poliqueta tubícola

Tubo do poliqueta Diopatra em sedimento areno-lamoso na região entremarés.

Author: Alvaro E. Migotto
Taxa: Diopatra
Size: 10 - 100 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: bentônico, adulto, praia, macrofotografia
Balanoglossus gigas
Balanoglossus gigas
"A classe Enteropneusta engloba espécies solitárias, de corpo vermiforme, comumente alcançando mais de 1 metro de comprimento. Habitam, preferencialmente, fundos rasos, sendo 5 espécies registradas em São Paulo. Balanoglossus gigas, uma das maiores espécies do grupo, podendo atingir 2,5 metros de comprimento, está potencialmente ameaçada no litoral de São Paulo, devido à poluição das águas e do sedimento e ao assoreamento e aterramento das praias." (Rodrigues, 1999). Os excrementos de B. gigas são facilmente visualizados na superfiície descoberta da Baía do Araçá durante as marés baixas.

Balanoglossus gigas

"A classe Enteropneusta engloba espécies solitárias, de corpo vermiforme, comumente alcançando mais de 1 metro de comprimento. Habitam, preferencialmente, fundos rasos, sendo 5 espécies registradas em São Paulo. Balanoglossus gigas, uma das maiores espécies do grupo, podendo atingir 2,5 metros de comprimento, está potencialmente ameaçada no litoral de São Paulo, devido à poluição das águas e do sedimento e ao assoreamento e aterramento das praias." (Rodrigues, 1999). Os excrementos de B. gigas são facilmente visualizados na superfiície descoberta da Baía do Araçá durante as marés baixas.

Author: Alvaro E. Migotto
Taxa: Balanoglossus gigas
Size: >100 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: bentônico, adulto, ameaçada de extinção, infauna, praia, macrofotografia, manguezal
Esponja do mar
Esponja do mar

Esponja do mar

Author: Alvaro E. Migotto
Taxa: Porifera
Size: 10 - 100 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: cebimar-usp, costão rochoso, bentônico
Pico de São Sebastião
Pico de São Sebastião
Vista da região central do Canal de São Sebastião e Baía do Araçá.

Pico de São Sebastião

Vista da região central do Canal de São Sebastião e Baía do Araçá.

Author: Alvaro E. Migotto
Place: Pico de São Sebastião, Ilhabela, SP, Brasil
Tag: paisagem
Molusco nudibrânquio
Molusco nudibrânquio
O gastrópodo Lamellaria mopsicolor utiliza ascídias da família Didemnidae como alimento e também como local para incubar seus ovos. Eles sempre mimetizam a cor da ascídia hospedeira.

Molusco nudibrânquio

O gastrópodo Lamellaria mopsicolor utiliza ascídias da família Didemnidae como alimento e também como local para incubar seus ovos. Eles sempre mimetizam a cor da ascídia hospedeira.

Author: Alvaro E. Migotto
Taxa: Lamellaria mopsicolor
Size: 10 - 100 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: cebimar-usp, simbiose, bentônico, adulto, campo escuro, macrofotografia
Molusco opistobrânquio
Molusco opistobrânquio

Molusco opistobrânquio

Author: Alvaro E. Migotto
Taxa: Aplysia brasiliana
Size: 1,0 - 10 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: cebimar-usp, costão rochoso, bentônico, adulto, campo escuro, epibionte
Molusco nudibrânquio
Molusco nudibrânquio

Molusco nudibrânquio

Author: Alvaro E. Migotto
Taxa: Spurilla neapolitana
Size: 10 - 100 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: cebimar-usp, costão rochoso, bentônico, adulto, macrofauna
Entoprocto
Entoprocto
Os Entoprocta (=Kamptozoa) compreendem um filo de animais invertebrados sésseis, coloniais ou solitários, um dos grupos menos conhecidos do Reino animal e de posição filogenética obscura e controversa. Cerca de 180 espécies foram descritas mundialmente. Pequenos, transparentes e de hábitos crípticos, os entoproctos passam geralmente despercebidos, embora sejam relativamente comuns em substratos consolidados, como rochas, seixos, corais, conchas e algas, sendo comensais de muitas espécies de invertebrados, como esponjas, poliquetas, sipuncúlidos. São frequentemente encontrados dentro dos tubos e galerias de seus hospedeiros. Eles são muito parecidos com alguns briozoários e hidrozoários pelo aspecto geral e hábito. Os indivíduos são formados basicamente por uma região distal superior, denominada cálice e que possui uma coroa de tentáculos ciliados, e uma haste denominada pedúnculo, na qual o cálice é sustentado; o pedúnculo pode ser preso diretamente ao substrato através de uma estrutura dilatada, denominada pé e característico das espécies solitárias, ou através de estolões nas espécies coloniais.

Entoprocto

Os Entoprocta (=Kamptozoa) compreendem um filo de animais invertebrados sésseis, coloniais ou solitários, um dos grupos menos conhecidos do Reino animal e de posição filogenética obscura e controversa. Cerca de 180 espécies foram descritas mundialmente. Pequenos, transparentes e de hábitos crípticos, os entoproctos passam geralmente despercebidos, embora sejam relativamente comuns em substratos consolidados, como rochas, seixos, corais, conchas e algas, sendo comensais de muitas espécies de invertebrados, como esponjas, poliquetas, sipuncúlidos. São frequentemente encontrados dentro dos tubos e galerias de seus hospedeiros. Eles são muito parecidos com alguns briozoários e hidrozoários pelo aspecto geral e hábito. Os indivíduos são formados basicamente por uma região distal superior, denominada cálice e que possui uma coroa de tentáculos ciliados, e uma haste denominada pedúnculo, na qual o cálice é sustentado; o pedúnculo pode ser preso diretamente ao substrato através de uma estrutura dilatada, denominada pé e característico das espécies solitárias, ou através de estolões nas espécies coloniais.

Author: Alvaro E. Migotto
Taxa: Pedicellina cernua
Size: 0,1 - 1,0 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: cebimar-usp, costão rochoso, bentônico, adulto, campo escuro, epibionte
Microcrustáceo em vista ventral
Microcrustáceo em vista ventral
O microcrustáceo Kalliapseudes, um tanaidáceo abundante no Araçá e que comumente ocorre em estuários e planícies de marés areno-lamosas da região Sudeste-Sul do Brasil, constrói galerias no substrato e se alimenta de material particulado trazido pelo fluxo de água.

Microcrustáceo em vista ventral

O microcrustáceo Kalliapseudes, um tanaidáceo abundante no Araçá e que comumente ocorre em estuários e planícies de marés areno-lamosas da região Sudeste-Sul do Brasil, constrói galerias no substrato e se alimenta de material particulado trazido pelo fluxo de água.

Author: Alvaro E. Migotto
Taxa: Kalliapseudes schubarti
Size: 1,0 - 10 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: cebimar-usp, bentônico, entremarés, macrofotografia, substrato inconsolidado, macrofauna
Poliqueta
Poliqueta
.

Poliqueta

.

Author: Alvaro E. Migotto
Taxa: Chaetopterus
Size: 10 - 100 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: cebimar-usp, bentônico, adulto, entremarés, macrofotografia, substrato inconsolidado, macrofauna
Poliqueta silídeo
Poliqueta silídeo
.

Poliqueta silídeo

.

Authors: Alvaro E. Migotto, Maikon Di Domenico
Taxa: Syllidae
Size: 0,1 - 1,0 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: cebimar-usp, bentônico, campo escuro, entremarés, substrato inconsolidado, meiofauna
Poliqueta silídeo
Poliqueta silídeo
.

Poliqueta silídeo

.

Authors: Alvaro E. Migotto, Maikon Di Domenico
Taxa: Eurinaceusyllis subterranea
Size: 0,1 - 1,0 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: cebimar-usp, bentônico, dic, entremarés, substrato inconsolidado, meiofauna
Quinorrinco
Quinorrinco
.

Quinorrinco

.

Authors: Alvaro E. Migotto, Fabiane Gallucci, Gustavo Fonseca, Maikon Di Domenico
Taxa: Kinorhyncha
Size: 0,1 - 1,0 mm
Place: Baía do Araçá, São Sebastião, SP, Brasil
Tags: cebimar-usp, bentônico, entremarés, substrato inconsolidado, meiofauna
  • Caranguejo-ermitão
  • Poliqueta tubícola
  • Poliqueta tubícola
  • Ouriço-do-mar preto
  • Bivalves
  • Vegetação de  manguezal
  • Caranguejo-aranha
  • Caranguejo
  • Hidróide
  • Pepino-do-mar
  • Molusco nudibrânquio
  • Molusco opistobrânquio sobre briozoário
  • Marcas do bivalve Macoma em sedimento arenolamoso
na região entremarés
  • Caracol-da-folha sobre tronco do mangue-branco
  • Equiúrido
  • Poliqueta silídeo
  • Mangue-vermelho
  • Gavião-carcará
  • Caranguejo chama-maré
  • Bolacha-da-praia
  • Verme-de-fogo
  • Molusco nudibrânchio
  • Briozoário
  • Gastrópode
  • Oligoqueta
  • Quinorrinco
  • Esponja do mar
  • Caramujo
  • Alga verde
  • Caranguejo
  • Cracas
  • Cracas
  • Garça
  • Hidróide
  • Hidróide
  • Caramujo
  • Caramujo
  • Caramujo
  • Caramujo
  • Talha-mar
  • Pico de São Sebastião
  • Ofiuróide
  • Molusco nudibrânquio sobre alga parda
  • Molusco opistobrânquio sobre alga parda
  • Verme-de-fogo
  • Molusco nudibrânquio
  • Poliqueta
  • Briozoário
  • Bivalve
  • Poliqueta de escama - detalhe de uma escama
  • Poliqueta de escama
  • Poliqueta tubícola
  • Entoprocto
  • Renilla
  • Cochonilhas em folhas do mangue-branco
  • Lepas
  • Cracas
  • Caranguejo-ermitão
  • Poliqueta tubícola
  • Balanoglossus gigas
  • Esponja do mar
  • Pico de São Sebastião
  • Molusco nudibrânquio
  • Molusco opistobrânquio
  • Molusco nudibrânquio
  • Entoprocto
  • Microcrustáceo em vista ventral
  • Poliqueta
  • Poliqueta silídeo
  • Poliqueta silídeo
  • Quinorrinco

Araçá Bay

<p>The Araçá Bay (São Sebastião, State of São Paulo), within one of Brazil’s most beautiful coastlines, has small relict mangrove stands and a very diverse marine ecosystem. As such, the bay is a natural laboratory as well as important for local small-scale fishing.</p> <p>Considered a natural area for expansion of the port of São Sebastião, the Araçá bay almost disappeared from the landscape. In 1987, the filling project of the bay was prevented by pressure from environmentalists and the scientific community. A year later, the bay was dredged for the placement of a sewage outfall, which caused profound ecological damage, habitat destruction, and death of organisms. For twenty years the sewage generated in the central region of the municipality was dumped in the vicinity of Araçá through this outfall, which remains operating without an environmental license. Moreover, the growing urbanization contributes to the environmental impacts on the bay, increasing the amount of waste and sewage dumped. In 2008, the threat of filling the remainder of the Araçá Bay was announced again.</p> <p>However, although polluted and depleted, the Araçá insists to show vitality. Marine species that had disappeared as a result of the dredging reappeared several years after this ecological crime. Herons and spoonbills are seen more often in the shallow and muddy waters of the bay.</p> <p>While far from its pristine condition, which partly motivated the creation of CEBIMar in the 1950s, the Araçá remains a place for studying and teaching. It is one of the most unique coastal marine environments - one of the few mangroves in the coast of São Sebastião, which harbors high biodiversity. 733 species were recorded for the area of which 34 were described as new to science, many have not been found elsewhere. In the list there are endangered species of polychaetes, echinoderms and hemichordates. Being a mangrove area, several marine species common to the region spend part of their life cycles in the bay, such as crustaceans and fish.</p> <p>The Araçá is also home to species that are natural resources such as mollusks, shrimps and fish. Fishermen and shellfish gatherers take advantage of low tides to collect these resources for their own consumption or to market them in free markets.</p> <p>The traditional knowledge and scientific data accumulated in more than 50 years of research show how the conservation of this region is important for science and for the lives of all who depend on it. Thus, there is an unquestionable need to protect species that insist on keeping the precious wealth of the bay of Araçá.</p> <p>The reclamation of Araçá will not only destroy this complex ecosystem, the ecological damage will certainly not be restricted to the region. The rectification of the coastline will affect the dynamics of sedimentation in the channel, possibly causing siltation or erosion on nearby beaches. The desired sustainable relationship between tourism and environment rarely blooms in ports and industrial areas. São Sebastião has the responsibility to keep safe this fragile environmental heritage for the enjoyment of this and future generations.</p>

References

2011 Felipelli T. Para Cetesb e prefeito de São Sebastião, Mangue do Araçá pode estar morto; ambientalistas apontam ao contrário. Imprensa Livre, url:http://www.imprensalivre.com.br/extras/top_impressao.php?edit=3&id=37874
2010 Amaral ACZ, Migotto AE, Turra A, Schaeffer-Novelli Y. Araçá: biodiversidade, impactos e ameaças. Biota Neotropica, 10(1): 219-264, url:http://www.scielo.br/pdf/bn/v10n1/a22v10n1.pdf